Cálculo de Rescisão 2021: Rescisão direta e indireta

O desligamento do empregado com o seu empregador pode ocorrer por conta de diversas razões, sendo que em todo caso vale saber como fazer o cálculo de rescisão 2021 para que não haja mal-entendidos com o seu empregador. Saiba como você pode realizar o cálculo do valor da rescisão conferindo as próximas linhas de texto deste post. Acompanhe!

Cálculo de Rescisão 2021

Cálculo de Rescisão 2021

O que é o Cálculo de Rescisão

Seja para se aventurar em novos desafios ou obrigação por parte do próprio empregador, o trabalhador pode se encontrar numa situação em que precise fazer a rescisão de seu contrato de trabalho.

Esse desvinculo pode se dar de duas maneiras diferentes, por justa causa, quando a culpa é do empregador, ou por injusta causa, quando o empregador é que causa a demissão.

Quando o empregado é quem pede o desvinculo com a empresa, é preciso que o trabalhador redija uma carta de demissão que deve ser entregue ao empregador.

Caso o empregador concorde com a demissão, ele deverá por sua vez preencher o Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho e depois seguir com o cálculo do valor da rescisão.

No momento em que o contrato é finalizado entre o empregado e empregador, é crucial que o trabalhador tome atenção ao cálculo de rescisão, já que esse valor poderá lhe servir de suporte durante o tempo em que estiver procurando por um novo emprego.

Como Calcular Rescisão

A determinação do valor do salário que deve ser entregue ao trabalhador em razão da rescisão contratual sem justa causa, leva em consideração os dias do mês da rescisão em que o empregado prestou os seus serviços.

Para fazer o cálculo basta:

  • Dividir o salário mensal recebido pelo trabalhador pela quantidade de dias do mês da rescisão.
  • Em seguida será preciso multiplicar o resultado pelos dias do mês da rescisão em que o empregado exerceu sua atividade.
Como Calcular Rescisão

Como Calcular Rescisão

Fora o saldo do salário em falta, o empregado também tem o direito de receber o valor do aviso prévio no caso desse ser indenizado. O valor das férias vencidas, férias proporcionais e décimo terceiro, estão inclusos no cálculo da rescisão.

No caso de um trabalhador que recebe o FGTS por parte da empresa, quando ocorre a demissão sem justa causa, o demitido tem o direito de realizar o saque deste valor somado com 50% sobre a quantia depositada no fundo.

Rescisão Direta

A rescisão direta com justa causa ocorre quando o empregado viola algum dos termos expressos no contrato. Por conta disso o empregador o despede.

Nesse cenário os benefícios do valor da rescisão são mantidos, com a diferença do empregador ter a escolha de liberar o funcionário ou obrigá-lo a fazer o aviso prévio trabalhado.

Rescisão Indireta

Quando ocorre a rescisão do contrato de forma indireta, o vínculo de trabalho é extinto por causa de uma infração ou vontade do próprio empregador. Por essa razão, o trabalhador pode extinguir o seu contrato de trabalho.

Nesse caso o empregado continua tendo direito ao recebimento do:

  • Saldo do salário;
  • Décimo terceiro;
  • Férias vencidas;
  • FGTS e;
  • Contribuições ao INSS.
Rescisão Indireta

Rescisão Indireta

Na rescisão indireta a empresa é obrigada a cumprir o aviso prévio indenizado.

Leave a Reply